sexta-feira, março 30, 2012

Quando te tenho





Quando te tenho
flores pulam
de galho em galho
pássaros fazem piruetas
e minhas bocas dão cambalhotas.

(depois)

você me vira as costas
meu coração calça botas
e salta
a janela da noite:

- tenta buscar o ponto exato
de onde provém a dor.
Postar um comentário